Logo paivense
Logo paivense

Castelo de Paiva terá projetos turísticos comparticipados com 1,8 milhões de euros

“De uma desgraça nasceu uma oportunidade”, referiu Gonçalo Rocha, presidente da CM de Castelo de Paiva, ao lembrar que foi após o grande incêndio que se decidiu avançar com este sistema de apoio ao empreendedorismo.

Segundo dados oficiais anunciados, o Sistema de Apoio ao Empreendedorismo e Emprego, designado SI2E, vai comparticipar 15 projetos de micro, pequenas e médias empresas na área do turismo, num total de 29 aprovados para o concelho.

Foi destacada durante a apresentação dos projectos aprovados, o facto de a maioria das candidaturas ser na área do turismo, o que traduz uma aposta que o concelho tem feito nos últimos anos de aproveitamento dos seus recursos endógenos e do potencial para o ecoturismo.

Alojamento, actividades radicais e comércio de produtos regionais são as áreas que predominam entre as candidaturas aprovadas, com a criação de cerca de 40 novos postos de trabalho.

O programa de apoio específico para Castelo de Paiva também aprovou candidaturas de outros sectores de actividade, nomeadamente negócios na área da indústria. No total, foi revelado um apoio global de 2,9 milhões de euros e a criação de 75 empregos.

“Foi um grande êxito”, comentou Gonçalo Rocha, ao agradecer o apoio do Governo e da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N). O presidente, Freire de Sousa, presidiu à sessão.

Gonçalo destacou também que novas oportunidades que se vão abrir em breve, para novos projectos.