Logo paivense
Logo paivense

Cientista inventou garrafa com “materiais secretos” que se decompõe em 3 semanas

 

Um cientista britânico diz ter inventado uma garrafa sem plástico de uso único que se decompõe em três semanas. A Choose Water, desenvolvida por James Longcroft, quer substituir as garrafas de plástico e ajudar a salvar os oceanos.

O revestimento exterior da garrafa é feito de papel reciclado, que foi doado por diversas empresas, enquanto o interior à prova de água é constituído por um composto secreto desenvolvido por Longcroft.

Todos os constituintes da garrafa decompõem-se integralmente em três semanas quando deixadas na água ou terra, e podem ser comidos por criaturas do mar, explicou a empresa ao Business Insider. A tampa de aço ganha ferrugem e também se decompõe no prazo de um ano.

O cientista, que vive na Escócia e ainda está à espera da patente, começou esta segunda-feira uma campanha de crowdfunding no Indiegogo angariar fundos para arrancar com a produção da garrafa. Longcroft estabeleceu o objetivo de angariar 25 mil libras – mais de 28 mil euros , das quais já angariou 8 mil – cerca de 9 mil euros.

James Longcroft espera ver as garrafas disponíveis nas lojas até ao final do ano e que sejam vendidas por cerca de um euro, de forma a que sejam uma alternativa viável ao plástico, segundo o The Times.

O Business Insider pediu à Choose Water para um exemplar de uma das garrafas para a testar, mas a empresa recusou, alegando querer evitar “que alguém fique com a garrafa e roube os seus segredos“.

Há, pelo menos, 50 mil quilos de plástico nos oceanos de todo o mundo. No início deste ano, uma baleia morta deu à costa em Espanha com 29 quilos de lixo humano, incluindo garrafas de plástico e latas, alojadas no estômago.

Fonte: ZAP