Logo paivense
Logo paivense

Cinfães – Identificado por abandono de animal de companhia

O Posto Territorial de Souselo identificou um homem por abandono de animal de companhia, no concelho de Cinfães.

Na sequência de uma denúncia de um cidadão a dar conta de que tinha encontrado um canídeo abandonado na via pública, tendo entregue o mesmo naquele Posto Territorial, os militares da Guarda apuraram que o animal vagueava na via pública após ter sido abandonado pelo seu proprietário.

O suspeito foi constituído arguido, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Cinfães.

A Guarda Nacional Republicana recorda que o abandono de animais de companhia constitui um crime punível com pena de prisão até seis meses ou pena de multa até 60 dias.

A Guarda Nacional Republicana, através do Serviço da Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA), tem como preocupação diária a proteção dos animais, apelando à denúncia de eventuais situações de maus-tratos ou abandono.