Logo paivense
Logo paivense

Contribuintes ainda retêm mil milhões de euros em apoios covid

De todo o dinheiro disponibilizado para apoio à covid-19, apenas um terço é permanente, ou seja, o governo apenas não cobrará cerca de 518 milhões de euros num pacote total de 1575 milhões de euros.

Os mais de mil milhões de euros restantes, equivalem a adiamentos e moratórias de receitas. Este dinheiro que não foi cobrado no ano passado será cobrado assim que a conjuntura o permitir.

Contudo há riscos envolvidos se estas pessoas e empresas por conta das difículdades que ainda podem aparecer não conseguirem pagar.

Este montante é bastante considerável uma vez que representa cerca de 0,5% do produto interno bruto.