Início Castelo de Paiva Hóquei Clube Paivense busca com a patinagem e o hóquei maior...

Hóquei Clube Paivense busca com a patinagem e o hóquei maior envolvimento da comunidade e já apresenta resultados positivos

COMPARTILHAR

As iniciativas do Hóquei Clube Paivense em Castelo de Paiva tem revelado novos talentos do desporto, não apenas no hóquei mas também na patinagem. A associação, que tem como presidente Andreia Moreira, conta com uma equipa sénior e também tem uma escolinha de patinagem com crianças entre os 4 anos até aos 16 anos e já tem apresentado resultados positivos em ambas modalidades.

O diretor do Hóquei Clube Paivense, José Santos, refere que apesar das dificuldades, graças aos esforços dos pais, dos professores e de todos os envolvidos, a Associação tem colhido bons frutos e até mesmo já participaram de seletivas importantes como a Taça Aveiro e o Torneio C.D. São Roque da Madeira: “O hóquei começou cá em agosto de 1996 como consequência de um projecto lançado pela CM de Castelo de Paiva em 1994, havendo enorme adesão na altura. Há cerca de 4 anos atrás houve uma equipa sénior que participava de campeonatos distritais mas houve uma paragem e o hóquei retornou há aproximadamente dois anos atrás. Este ano vamos realizar um torneio com a participação de 8 equipas, dentre elas o F.C. Porto e Bragança em Castelo de Paiva com a participação de 100 miúdos”, refere.

A treinadora Vânia Sousa refere que embora seja uma iniciativa recente, a patinagem em Castelo de Paiva já se tornou uma referência na região: “Em Castelo de Paiva a patinagem recomeçou há cerca de seis meses com o objectivo de desenvolver a actividade na região, pois nos arredores não há nada, somente em Marco de Canaveses e Lourosa, nem em Cinfães ou Arouca há. Queremos dar-nos a conhecer e tentar com que aconteça uma evolução o mais rápido possível das nossas crianças”.

A treinadora aponta que busca atrair para o concelho atletas de renome internacional para que pais e alunos possam ter o vislumbre das possibilidades a serem alcançadas com o desporto: “costumamos fazer na altura do natal uma festa para os pais com demonstrações de patinagem e desde já fica o apelo para que venham participar connosco. No ano passado foi uma festa só com atletas de cá e neste ano vamos trazer atletas de renome nacional e internacional para dar a saber o que é a patinagem em mais alto nível”.

Ana Francisca Ferreira é um dos destaques da equipa de patinagem

Apesar dos bons resultados, a treinadora também refere que é desejável um maior envolvimento financeiro da sociedade paivense para a manutenção das actividades da Associação: “hoje nos mantemos com o apoio, investimento e esforço dos pais das crianças que frequentam as aulas. Não há qualquer tipo de patrocínio. A Câmara Municipal nos ajuda dentro das limitações de orçamento mas ainda é preciso mais. Os patins tem um custo associado de cerca dos 200 euros que ajuda um pouco mas tem duração de 2 a 3 anos por modalidade, o que compensa o investimento”

Vânia revela que os benefícios da prática desportiva do hóquei e da patinagem para as crianças e adolescentes envolvidos são tanto físicos como intelectuais: “eu considero a patinagem um desporto muito completo quer a nível intelectual ou desenvolvimento como um todo. Promove o desenvolvimento em vários grupos musculares, não apenas na perna, pois trabalham todo o corpo e consciência corporal. A nível intelectual ajuda imenso na concentração na escola e na forma como as crianças lidam com os nervos no dia”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

five × 5 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.