Logo paivense
Logo paivense

Doentes com covid-19 só recebem baixa a 100% em outubro

Mário Cruz / Lusa

Os doentes que estiveram infetados com covid-19 ou que estiveram em isolamento profilático só vão receber a 100% os respetivos subsídios em outubro.

O Correio da Manhã avança esta quarta-feira que os doentes que estiveram infetados com covid-19 ou que estiveram em isolamento profilático ainda não receberam a totalidade do valor que deviam ter recebido.

O CM adianta que as baixas só serão regularizadas em outubro, uma vez que, apesar de as novas regras que permitem os pagamentos a 100% terem sido decididas em julho, só foram aprovadas em agosto e publicadas em setembro.

Para já, os pagamentos já feitos cingiram-se aos 55% do salário de referência — faltando o remanescente que deverá ser pago em outubro, com retroativos a julho.

Fonte oficial do gabinete do secretário de Estado da Segurança Social, Gabriel Bastos, disse ao matutino que o número de trabalhadores abrangidos e o valor médio dos acertos só serão apurados no momento do reprocessamento.

Esta medida abrange todos os trabalhadores independentes e por conta de outrém e prevê o pagamento a 100% da remuneração de referência nos 28 primeiros dias de doença. No entanto, até aqui, este valor tem sido pago como o de uma baixa convencional, o que significa 55% nos primeiros 30 dias.

Segundo o CM, as estatísticas da Segurança Social relativas aos apoios sociais, divulgadas na terça-feira, não distinguem quantos dos 167 mil subsídios de doenças pagos em agosto se referem à covid-19 ou a isolamento profilático.


Fonte: ZAP