Início Economia Kazzify, a startup que promete revolucionar a compra e venda de casa

Kazzify, a startup que promete revolucionar a compra e venda de casa

COMPARTILHAR

Homeaway

A Kazzify entra esta terça-feira no mercado. Apesar de admitir não querer ocupar o lugar das agências tradicionais, promete “revolucionar” o imobiliário e ser uma alternativa mais barata.

A portuguesa Kazzify desenvolveu uma plataforma para facilitar a compra e venda de casas sem a intervenção e um custo de um intermediário e vai entrar esta terça-feira no mercado.

Em comunicado, a startup afirma que o objetivo é “vender imóveis de forma rápida e fácil sem as pesadas comissões”, mas assegurando a “total transparência” para os utilizadores. Para isso, o serviço da Kazzify terá uma comissão fixa de 1.999 euros, independentemente do tipo de imóvel, que será cobrada caso o imóvel seja vendido.

Do lado do vendedor, a Kazzify oferece serviços como visitas virtuais, fotografias profissionais do imóvel, uma planta 3D e a divulgação em vários sites e portais, além de apoio na gestão do processo de venda.

Já o comprador pode “obter uma maior margem pela redução do valor da comissão e obter toda a informação da casa necessária”. Desta forma, comprador e vendedor podem negociar diretamente, apesar de o processo de venda ser todo monitorizado.

Em comunicado, Vasco Pereira Coutinho, administrador da Kazzify, adiantou que o “desenvolvimento do conceito e modelo Kazzify resultou de uma análise aprofundada do mercado português e da possibilidade de integrar novos modelos de negócio em combinação com uma larga experiência no setor imobiliário e nas diversas vertentes do negócio”.

A comissão fixa é, então, uma alternativa ao modelo tradicional. “Queremos juntar este conceito de comissionamento à tecnologia de ponta e ser um motor de aceleração digital de negócios num dos mais importantes setores da economia”, acrescentou o administrador.

Atualmente, segundo o Observador, a empresa conta com uma equipa de cinco pessoas e atua no distrito de Lisboa e Porto.

Fonte: ZAP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.