Início Economia Desemprego registado cai em julho para o valor mais baixo desde 1991

Desemprego registado cai em julho para o valor mais baixo desde 1991

COMPARTILHAR

Paulo Novais / Lusa

O número de desempregados inscritos nos centros de emprego em Portugal continua a diminuir. O desemprego registado cai em julho para o valor mais baixo desde 1991.

É o chamado desemprego registado que, depois de em junho ter ficado abaixo da barreira das 300 mil pessoas pela primeira vez desde dezembro de 1991, voltou a recuar em julho, indicam os dados do Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), divulgados esta quarta-feira.

Segundo o IEFP, os desempregados registados ficaram pelas 297.290 pessoas, diminuindo 0,3% (menos 901 pessoas) face a junho e caindo 10,1% (menos 33.297 pessoas) em relação a julho de 2018. Para encontrar um valor mais baixo é preciso recuar a dezembro de 1991.

Analisando o desemprego registado de longa duração, a tendência também é de queda. Em julho, o número de desempregados inscritos nos centros de emprego há pelo menos um ano baixou para as 131,8 mil pessoas, diminuindo 17,9% em termos homólogos (menos 28.652 pessoas) e 2,2% em relação a junho (menos 3.028 pessoas).

Já o desemprego jovem (menos de 25 anos) ficou nas 28,5 mil pessoas, registando uma redução homóloga de 8,4% (menos 2.617 jovens) e um acréscimo de 2,9% em cadeia (mais 802 jovens).

A redução do desemprego registado pelo IEFP sinaliza que a taxa de desemprego em Portugal, medida pelo Instituto Nacional de Estatística, pode continuar a cair durante o verão. De acordo com o Expresso, historicamente, há uma correlação muito forte entre estes dois indicadores.

No segundo trimestre, tal como é tradicional em Portugal entre abril e junho, a taxa de desemprego recuou para 6,3%, o valor mais baixo dos últimos 15 anos.

Fonte: ZAP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.