Início Coronavírus Crise no setor de petróleo pode ser a pior dos últimos 100...

Crise no setor de petróleo pode ser a pior dos últimos 100 anos

A crise no setor de petróleo pode ser a pior dos últimos 100 anos, antevê o presidente da Petrobras. O brasileiro calcula que o preço do barril de petróleo caia dos 40 para os 25 dólares.

A sentença é dada presidente da petrolífera brasileira Petrobras, Roberto Castello Branco: a crise no setor do petróleo pode ser a pior dos últimos 100 anos. A pandemia de covid-19 está a surtir graves efeitos económicos e tanto a procura como o preço do petróleo e derivados estão em queda.

O gestor garante que se está a viver um momento sem precedentes em que as petrolíferas estão a sofrer duros golpes com a crise que já se começa a sentir, mas que ainda vai certamente agravar.

“Isto é mais sério do que tivemos no passado. É talvez a pior crise sofrida pela indústria do petróleo em 100 anos. Não há fórmula para lidar com essa crise“, disse Roberto Castello Branco, citado pela Agência Brasil.

“Temos de estar preparados para o pior cenário”, sustenta o presidente da Petrobras, acreditando que a solução passa por lidar com a situação em conjunto, sem pânico e com transparência.

Para além de relatar que a procura por combustíveis caiu significativamente no Brasil, Roberto Castello Branco prevê que a crise nos Estados Unidos se agrave num futuro próximo. Por sua vez, na China, é importante que o país recupere “porque é o destino da maior parte” das exportações da empresa brasileira.

“A menos que aconteça algum evento inesperado, não prevemos uma recuperação significativa do preço do petróleo”, acrescentou, citado pelo Jornal Económico. O gestor calcula que o preço do barril de petróleo desça de 40 para cerca de 25 dólares.

Fonte: ZAP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

18 + seventeen =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.