Início Economia Grupo Amorim perde processo de 179 milhões contra Novo Banco

Grupo Amorim perde processo de 179 milhões contra Novo Banco

Maria Pimentel / Wikimedia

Paula Amorim, presidente do CA do Grupo Amorim

O Grupo Amorim perdeu o processo no qual reclamava ao Novo Banco o pagamento de mais de 179 milhões investidos, através de duas empresas sediadas na Holanda, em papel comercial do Grupo Espírito Santo (GES).

De acordo com o Correio da Manhã, o Supremo Tribunal de Justiça chumbou o recurso do Grupo Amorim neste caso, que remonta a 2014, confirmando o acórdão do Tribunal da Relação de Lisboa que confirmara a sentença do tribunal da primeira instância.

O investimento foi feito através de duas empresas do grupo Amorim: a Oil Investments e a Topbreach, ambas sediadas na Holanda. As empresas argumentaram que o Novo Banco “é responsável pelo pagamento peticionado [mais de 179 milhões de euros] pela violação dos deveres do BES enquanto intermediário financeiro, tendo-lhe essa responsabilidade sido transmitida”, segundo o acórdão a que o Correio da Manhã teve acesso.

O Novo Banco contrapôs que “a alegada dívida do BES não foi para si transferida, sendo clara a posição do Banco de Portugal no sentido de fazer abranger nos passivos excluídos da transferência para o Novo Banco quaisquer posições passivas relacionadas com os instrumentos de dívida emitidos por empresas do Grupo GES”.

O Novo Banco acabou por ser absolvido no processo e as herdeiras de Américo Amorim perderam o capital investido em títulos de dívida da Espírito Santo Irmãos, SGPS, então presidida pelo antigo banqueiro Ricardo Salgado.

Fonte: ZAP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

4 × 1 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.