Logo paivense
Logo paivense

Falsa ameaça terrorista alarma Serralves

No último fim de semana, um potencial ataque durante o evento “Serralves em Festa” esteve a ser investigado pelas autoridades, mas não passou de um falso alarme.

Um alerta de atentado em Serralves causou uma verdadeira dor de cabeça às forças de segurança. A notícia é avançada pelo Correio da Manhã, segundo o qual o alvo seria o evento “Serralves em Festa”, que decorreu no último fim de semana na cidade.

A suspeita tinha como base um bilhete anónimo escrito em árabe, atribuído ao Estado Islâmico, que acabou por se revelar um falso alarme. A nota que terá chegado às autoridades dava conta de atentados à bomba que seriam executados no sábado.

A Unidade Nacional de Contraterrorismo da Polícia Judiciária (PJ) esteve a investigar o potencial ataque terrorista e, após investigar a veracidade do bilhete e depois de ter realizado buscas no recinto, concluiu que se trataria de uma brincadeira de mau gosto.

De acordo com o jornal i, também o SIS e a PSP passaram o fim de semana em alerta depois de terem apanhado conversas entre supostos agentes de uma célula marroquina que esteve também sob vigilância durante a visita do Papa a Fátima, no ano passado.

As instalações de Serralves foram inspecionadas pelas brigadas de minas e armadilhas e a operação foi dada como concluída este domingo de manhã. Apesar do alarme, a Fundação Serralves este a funcionar sem problemas, tendo até recebido a visita do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, no sábado.

Fonte: ZAP