Logo paivense
Logo paivense

França com regras mais apertadas a começar já hoje

O presidente da França, Emmanuel Macron, anunciou que todo o país entrará em lockdown a partir de hoje.

A medida já tinha sido adotada em Paris e agora será ampliada para todo o território.

A ampliação do isolamento foi decidida após o país atingir lotações em hospitais e em unidades de terapia intensiva (UTI). O lockdown rídigo deve durar pelo menos um mês.

Segundo o presidente, as medidas restritivas preveem o fechamento de todas as lojas e estabelecimentos não essenciais e toque de recolher a partir das 19h do horário local. Além disso, viagens internas, com exceção da Páscoa, também estão proibidas. O governo também incentiva o trabalho remoto e fechamento de escolas. As aulas presenciais devem ser retomadas somente no dia 3 de maio.

Numa publicação nas redes sociais, o presidente Macron agradeceu os profissionais de saúde e afirmou que o país está com 28 mil pacientes internados com o novo coronavírus. Ele defendeu ainda a vacinação e anunciou novas datas para o início da imunização no país.Vale lembrar que a partir de 16 de abril as doses serão aplicadas em maiores de 60 anos. A 15 de maio, para quem tiver mais de 50 anos. Até ao final desta semana, França registrou 95.337 vítimas da doença.