Logo paivense
Logo paivense

Hospitais juntam-se e criam farmacêutica para baixar preços de medicamentos

Mais de 120 hospitais americanos estão a criar uma empresa farmacêutica sem fins lucrativos para diminuir os preços dos remédios. Em 2019, a empresa espera ter os seus primeiros produtos a entrar no mercado.

A nova farmacêutica, Civica Rx, criada já no decorrer deste ano sob o lema “Accessible and Affordable”, tem como objetivo ajudar os pacientes que são obrigados a pagar preços demasiado altos pelos medicamentos que lhes poderão salvar a vida.

O sistema de saúde americano, que gasta centenas de milhões de dólares por ano, registará um grande alívio na despesa, saindo também beneficiado com a iniciativa.

Neste momento, a Civica Rx identificou 14 medicamentos genéricos administrados pelos hospitais que serão o foco inicial dos esforços da empresa.

“Estamos a criar um serviço público com a missão de garantir que os medicamentos genéricos essenciais sejam acessíveis“, afirmou Martin VanTrieste, CEO da Civica Rx e ex-diretor de qualidade da Amgen, uma das maiores empresas farmacêuticas do mundo.

Numa primeira fase, a Civic Rx vai tentar estabilizar a oferta de medicamentos genéricos mais importantes nos hospitais, que deverá ajudar a garantir que os pacientes e as suas necessidades sejam os primeiros a obter resposta no mercado de medicamentos genéricos.

As mais de 120 organizações de saúde que mostraram interesse em participar na empresa representam um terço dos hospitais norte-americanos.

“O facto de um terço dos hospitais do país ter manifestado interesse ou se ter comprometido a participar no Civic Rx, mostra a grande necessidade desta iniciativa. Isto melhorará a situação dos pacientes, trazendo a concorrência necessária para o mercado de medicamentos genéricos”, afirmou o CEO.