António Cotrim / Lusa

O Novo Banco em Espanha está à venda e já há interessados em adquirir o negócio espanhol do banco liderado, em Portugal, por António Ramalho. O Abanca e o Andbank são os primeiros a manifestarem interesse.

De acordo com o jornal esconómico Invertia, que pertence ao El Español, há já contactos inciais entre o Abanca, que comprou a CGD em Espanha e vai adquirir o Eurobic, e o Andbank e o dono do Novo Banco, o Lone Star.

A notícia é avançada pelo económico espanhol, que cita fontes próximas do processo. Por outro lado, o Andbank disse que não tem interesse na filial espanhola do banco português detido pelo fundo norte-americano.

O Abanca já comprou o banco que a Caixa Geral de Depósitos (CGD) tinha em Espanha, o Banco Caixa Geral e está em processo de aquisição do Eurobic, tendo fechado oficialmente o acordo para a compra de 95% das ações do banco liderado pelo ex-ministro Fernando Teixeira dos Santos, ficando, entre outros, com as participações de 42,5% de Isabel dos Santos e de 37,5% de Fernando Teles.

Os negócios em Espanha do Novo Banco estarão avaliados em 40 milhões de euros, se não for tida em conta a Novo Activos Financieros España (NAFE), gestora de ativos espanhola do Novo Banco, cuja venda foi acordada com a Trea Asset Management no final do ano passado.

A venda da gestora de ativos foi suspensa a partir do momento em que começou a ser avançada a possibilidade de o Lone Star vender a totalidade do negócio em Espanha.

O Lone Star pôs a sucursal do Novo Banco em Espanha no final de maio. Com esta venda, o Novo Banco vai tornar-se num banco praticamente com presença só em Portugal. Desde 2015 que já fechou operações que tinha noutros países e regiões, nomeadamente Cabo Verde, Ásia e França.

Fonte: ZAP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

one + 8 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.