Logo paivense
Logo paivense

NOS e Vodafone vão partilhar equipamentos de redes móveis

A NOS e a Vodafone fecharam acordos com vista à partilha de infraestruturas e equipamentos de rede móvel, abrangendo as tecnologias 2G, 3G e 4G.

A NOS e a Vodafone anunciaram um acordo de partilha de torres, mastros, antenas e amplificadores que suportam as redes móveis em locais de menor densidade populacional, avança o Expresso. O acordo tem como objetivo o alargamento da cobertura de rede, mas não prevê a partilha de faixas de frequências atribuídas a cada uma das operadoras.

“Foram hoje celebrados um conjunto de acordos com vista à partilha de infraestruturas de rede móvel de suporte (infraestrutura passiva como torres e mastros) e rede móvel ativa (equipamentos ativos de rádio como antenas, amplificadores e demais equipamentos)”, anunciou a NOS em comunicado enviado ao mercado.

“Nas primeiras zonas, tipicamente maiores aglomerados urbanos, as partes irão explorar sinergias acrescidas na partilha de infraestrutura de suporte e nas segundas zonas, tipicamente zonas rurais e no interior do país, as partes farão, para além da utilização comum de infraestruturas de suporte a partilha da sua rede móvel ativa”, adianta a operadora à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Para já, o acordo está restringido às tecnologias já existentes 2G, 3G e 4G. Como a quinta geração das redes móveis vai ser sujeita a leilão até ao final do ano, os operadores deixam em aberto de prosseguir também com uma eventual partilha de equipamentos e infraestruturas.

“A acomodação do 5G no presente acordo está dependente da decisão autónoma de cada operador de implementar ou não esta tecnologia”, explica o comunicado.

A partilha da rede não terá impacto na concorrência, já que as duas operadoras vão manter a “liberdade estratégica e comercial e capacidade de diferenciação na definição e prestação de serviços aos seus respetivos clientes”.


Fonte: ZAP