Início Notícias Quercus preocupada com combustão de resíduos de carvão em Castelo de Paiva

Quercus preocupada com combustão de resíduos de carvão em Castelo de Paiva

COMPARTILHAR
Pejão (DI)

A associação ambientalista Quercus manifestou hoje preocupação com a combustão “a céu aberto” de resíduos das antigas minas de carvão do Pejão, em Castelo de Paiva, e as consequências no ambiente e na saúde das populações.

Minas de Pejão (DI)

“É importante recordar que este tipo de combustão liberta normalmente grandes quantidades de gases com efeito de estufa e outros poluentes, tais como o dióxido de carbono, o monóxido de carbono, o metano, o dióxido de enxofre e óxidos de azoto”

A maioria destes gases, alerta a Quercus, “são prejudiciais ao ser humano e o dióxido de carbono, o monóxido de carbono e o metano são também gases de elevado efeito de estufa e que contribuem muito significativamente para as alterações climáticas e consequentemente para o aquecimento global”.

Afirmando ter recebido várias denúncias com a situação de Castelo de Paiva, a Quercus recorda, a propósito, o caso de uma antiga mina de carvão nos Estados Unidos que arde desde 1962.

“Todos estes factos são motivo de preocupação e fazem com que a Quercus solicite às autoridades competentes informação urgente sobre este caso, que ocorre apenas a cerca de 30 quilómetros da cidade do Porto, de modo a restaurar a tranquilidade e, sobretudo, a segurança ambiental e das populações locais”, acrescenta a associação.

Os resíduos de carvão da mina desativada em dezembro de 1994, na localidade de Pedorido, estão a arder desde 25 de outubro.

A combustão foi desencadeada pelo grande incêndio que lavrou no concelho e desde então as autoridades ainda não conseguiram extingui-lo com os meios tradicionais, nomeadamente a utilização de grandes quantidades de água.

Na sexta-feira, técnicos de uma empresa especializada, acompanhados do presidente da Câmara de Castelo de Paiva, Gonçalo Rocha, estiveram no local a analisar a melhor solução técnica para o problema.

Fonte Lusa


Leia mais: 

Site ‘Jornal Paivense’ é destaque na imprensa brasileira

“Meio homem metade baleia”, primeiro romance de José Gardeazabal chega às livrarias

A história do MP3

Clique na mão abaixo e dê um like em nossa página:

Já conheces a revista digital Live News do grupo MF Press Global?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

10 − 4 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.