“A Câmara Municipal da Covilhã exprime publicamente o seu profundo pesar pela morte do jovem que hoje foi vítima do acidente de autocarro que regressava à Covilhã com alunos finalistas”, refere o município na mensagem publicada na página oficial do Facebook.

Na nota, a autarquia também manifesta a “sua solidariedade aos jovens feridos e familiares, que tão inesperadamente se viram envolvidos nesta tragédia”.

Ao início da noite, em declarações à agência Lusa, o presidente da Câmara Municipal, Vítor Pereira, já tinha informado que estava a acompanhar a situação e que o município agirá de modo “a dar todo o apoio possível aos familiares e aos próprios alunos”.

O despiste ocorreu pelas 17:56 no troço do IP2, entre o nó de Arez e a Barragem de Fratel, concelho de Nisa, distrito de Portalegre.

O autocarro em que seguiam, além do motorista, 48 passageiros, a maioria dos quais jovens entre os 18 e os 23 anos da Covilhã e de Belmonte que regressavam de uma viagem de finalistas a Espanha, despistou-se no nó de Arez e da Barragem do Fratel do IP2, fazendo um capotamento lateral.

Além da vítima mortal, um rapaz de 18 anos residente em Tortosendo, concelho da Covilhã, e dos quatro feridos graves, 29 ocupantes do autocarro sofreram ferimentos ligeiros e os restantes 15 foram transportados para Nisa, para serem acolhidos pelo Serviço Municipal de Proteção Civil.

Lusa

Fonte: SIC

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

eight + 9 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.