Início Amarante Eletrificação do troço Caíde-Marco traz mudanças em Amarante

Eletrificação do troço Caíde-Marco traz mudanças em Amarante

Eletrificação do troço Caíde-Marco faz necessário proceder ao corte da estrada, por se tratar de árvores de grande porte, nos dias 26, 27 e 28 de fevereiro, entre as 9:00h e as 17:00h, para cumprir Decreto-Lei n.º 276/2003.

COMPARTILHAR
Intervenção de arboricultura na envolvente da Estação Férrea de Vila Meã

Nos dias 26, 27 e 28 de fevereiro irá realizar-se uma intervenção especializada de arboricultura, na Rua 5 de Outubro, em Vila Meã, por serviços especializados, contratados pela Câmara Municipal de Amarante, de forma a cumprir as normas de distância mínima legal à área de alta tensão, no âmbito da empreitada de Eletrificação e RIV do Troço Caíde – Marco. Tratando-se de árvores de grande porte será necessário proceder ao corte da estrada, nos referidos dias, entre as 9:00h e as 17:00h.

De acordo com o Decreto-Lei n.º 276/2003 de 4 de novembro, articulado com o disposto no Art.º 493º do Código Civil, o alinhamento de árvores existente não cumpre a distância mínima legal à linha aérea de alta tensão que está a ser instalada, pelo que as Infraestruturas de Portugal solicitaram à Câmara Municipal, o tratamento/abate das árvores.

Após concertação entre as duas entidades, foi elaborada uma proposta pela Unidade de Espaços Verdes do Município, alcançando-se, deste modo, o entendimento para a preservação de algumas das árvores, evitando-se assim o abate de todo o alinhamento. 

No total das 18 árvores existentes, 11 terão obrigatoriamente que ser abatidas e 7 serão preservadas, por meio de podas de coabitação.

O relatório técnico, elaborado pela Unidade de Espaços Verdes da Câmara Municipal pode ser consultado em www.cm-amarante.pt . 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

13 − 9 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.