Início Castelo de Paiva Castelo de Paiva marca presença na 31ª edição da BTL em Lisboa

Castelo de Paiva marca presença na 31ª edição da BTL em Lisboa

Presidente da CM de Castelo de Paiva, Gonçalo Rocha, quer valorizar vertente turística do concelho

COMPARTILHAR
Castelo de Paiva na BTL

O concelho de Castelo de Paiva está representado na 31ª edição da BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa, a maior feira deste sector em Portugal, um certame anual com uma grandeza internacional, que congrega expositores nacionais e estrangeiros e que decorre nas instalações da FIL, com o presidente da edilidade paivense, Gonçalo Rocha, a destacar a importância da presença do município paivense nesta iniciativa de grande promoção turística, que serve, na sua opinião, para reforçar a aposta de afirmação pela positiva da Terra de Payva, divulgando e promovendo os grandes eventos da edilidade e aquilo que esta terra duriense tem de melhor.

Autarcas do Tâmega e Sousa na BTL

Através do espaço único da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, o concelho de Castelo de Paiva está novamente presente, naquele que é o salão referência para a indústria do Turismo Nacional, e nesta nova participação, Castelo de Paiva promoveu os produtos que, definitivamente, captam mais público para o território, nomeadamente a gastronomia, doçaria tradicional e vinhos, turismo de natureza e touring cultural e paisagístico, sendo que, neste enfoque, além de divulgar o que de melhor por cá se produz, com momentos de degustação, pretendeu-se ainda, divulgar Castelo de Paiva como destino atractivo para os apreciadores da natureza e dos diversificados desportos que por cá se praticam, e ainda divulgar os eventos que mais dinâmica conferem ao concelho, nomeadamente os festejos de S. João e a Feira do Vinho Verde, assim como com o Festival dos Rios Arda D’Ouro.

Degustação dos vinhos verdes de Castelo de Paiva

Na participação de Castelo de Paiva na BTL destacou-se a Rota dos Ofícios Tradicionais da Terra de Payva, recentemente apresentada, e a degustação de iguarias gastronómicas, acontecendo ainda, uma breve apresentação da Casa de Payva, com a realização de uma degustação de produtos regionais, doçaria e prova de vinhos verdes. 

A vereadora do turismo Paula Melo

Para o autarca paivense Gonçalo Rocha, que se fez acompanhar da Vereadora do Turismo, Paula Melo, é extremamente importante e crucial, que Castelo de Paiva possa continuar a mostrar o seu potencial, os seus recursos endógenos, insistindo na importância da concretização dos grandes projectos em curso e orientados para os Percursos Pedestres e relacionados para as temáticas dos rios, serra, vinhas e minas, procurando dar a conhecer aos visitantes um conjunto de actividades económicas das gentes paivenses, sempre prontas a receber e a dar o seu melhor a quem nos visita, sem esquecer o valor e a importância da Rota do Românico e a mais valia que tem para o município e para a região, não esquecendo, por ultimo, de evidenciar que, Castelo de Paiva é sempre uma terra que vale a pena conhecer, porque tem o essencial e uma grandeza fantástica, que são pessoas simples, humildes e muito acolhedoras, um património único de uma terra que se apresenta com alma e com chama e que sabe receber bem, apostando cada vez mais, num futuro mais promissor.

Considerando o sector do turismo essencial para ajudar a alavancar a economia local, o presidente Gonçalo Rocha mostrou-se orgulhoso com mais esta presença de sucesso edestacou que, outras acções de promoção turística do concelho serão concretizadas no corrente ano, evidenciando que estas presenças no palco da BTL em Lisboa são assumidas como oportunidade única e de excelência de mostrar Castelo de Paiva ao mundo, com aquilo que de melhor têm o município, com exposição de produtos regionais, com uma grande componente orientada para a gastronomia local, doçaria tradicional e os renomados e famosos vinhos verdes, bem como a vasta oferta hoteleira que o concelho já apresenta, salientando também, que o município tem muitas outras potencialidades turísticas que importa promover e dar a conhecer, acreditando que, depois desta acção de divulgação no maior certame de turismo do país, mais visitantes tenham vontade e o desejo de vir conhecer Castelo de Paiva.

Presidente Gonçalo Rocha na degustação das doçarias de Castelo de Paiva

O autarca deixou vincada a ideia da importância da estratégia turística do “Viver o Payva Douro “, recuperando raízes e o património histórico, puxando ainda mais pela valorização cultural, potenciando ainda mais as paisagens, uma gastronomia de excelência, vinhos muito apreciados, doçaria tradicional, produtos locais, artesanato, potenciando o crescimento  da hotelaria, da restauração e dinamização do comércio local.

Nesta participação, ficou evidente que a Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa continua a acreditar no enorme potencial deste evento e, voltou a ter uma presença inovadora e competitiva, colocando a tónica no produto estratégico gastronomia e vinhos, em linha com outros projectos que tem vindo a desenvolver de promoção do vinho verde, aliando-lhe a gastronomia e a doçaria típica, bem como no turismo de natureza e no turismo cultural, associando-lhe o calendário de eventos e festividades regionais, contando com a participação de alguns dos melhores operadores turísticos e produtores, desta que é uma das regiões mais ricas, em beleza e diversidade de paisagens naturais.

Presença do Tâmega e Sousa na BTL

A participação da CIM do Tâmega e Sousa na BTL 2019 insere-se na Operação “Tâmega e Sousa – Qualify and Brand On”, liderada pela CIM do Tâmega e Sousa, em parceria com o Conselho Empresarial do Tâmega e Sousa e a Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Politécnico do Porto, e cofinanciada pelo Norte 2020Portugal 2020 e União Europeia, através do FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

4 × one =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.