Início Cinfães Cinfães integra grande rota das montanhas mágicas Cycling & Walking

Cinfães integra grande rota das montanhas mágicas Cycling & Walking

Cinfães abraça, cada vez mais, o desporto de natureza e turismo ativo tirando partido da sua orografia, diversidade, património e das suas gentes.

Aos primeiros 52km de percursos pedestres implementados no Vale do Bestança em 2014, acrescentou-se em 2018 mais 56km, alargando a rede para o Vale do Cabrum, para a Serra do Montemuro e para o Vale do Ardena. Nos percursos cicláveis, nos últimos anos, passou-se para 302 Km de percursos cicláveis (dos quais 122 km sinalizados) do Centro de BTT do Montemuro, com infraestruturas e percursos também no concelho de Resende, numa parceria com o Município de Resende e a Dolmen. Agora, a rede aumenta com mais uma candidatura, em consórcio com a Adrimag e os municípios integrantes das Montanhas Mágicas, estabelecendo a ligação com outros destinos. Com a implementação da Grande Rota das Montanhas Mágicas Cycling & Walking, chegamos ao Vale do Paiva e ficamos com uma das melhores redes cicláveis e pedestres da Europa.

A Grande Rota das Montanhas Mágicas Cycling & Walking é um percurso circular, com 230km de distância, que une os 7 municípios das Montanhas Mágicas, sendo possível percorrê-lo a pé (GR – Grande Rota Pedestre), ou em bicicleta de BTT/gravel (GT – Grande Travessia).

O Projeto da GR/GT das Montanhas Mágicas, promovido pela ADRIMAG, conta com o envolvimento de parceiros nacionais, regionais e locais, nomeadamente as 7 Câmaras Municipais do território – Arouca, Castelo de Paiva, Castro Daire, Cinfães, São Pedro do Sul, Sever do Vouga e Vale de Cambra, a UVP – Federação Portuguesa de Ciclismo, a FCMP – Federação de Campismo e Montanhismo de Portugal, a Turismo do Porto e Norte de Portugal e a Turismo Centro de Portugal, e tem como principais objetivos:

– Tornar as Montanhas Mágicas® um destino de excelência no contexto da oferta de cycling & walking em Portugal, dotando o território das condições necessárias à prática destas modalidades no contexto desportivo, recreativo e de lazer, de forma ambientalmente responsável e economicamente viável;

– Promover a união dos 7 municípios do território, em torno de um projeto comum, que contribuirá para reforçar e consolidar a marca turística territorial “Montanhas Mágicas”.

O Projeto de Execução foi recentemente concluído pela A2Z, com o acompanhamento da ADRIMAG e dos 7 Municípios envolvidos, sendo que o passo seguinte é a instalação da sinalética.

Esta GR/GT explora vários pontos de interesse naturais e culturais da região, nomeadamente os pontos da Rota da Água e da Pedra das Montanhas Mágicas, as áreas classificadas (Rede Natura 2000 e Arouca Geopark Mundial da UNESCO), bem como outros pontos de interesse natural e cultural do território. Atravessa diversas aldeias e vilas que servirão de pontos de apoio aos utilizadores promovendo, em simultâneo, a aproximação à comunidade local.

As serras da Freita, Arada, Arestal e Montemuro, bem como os vales dos rios Paiva, Vouga, Douro e Bestança são o palco desta GR e os elementos que mais contribuem para que este seja um projeto diferenciador, contribuindo para o desenvolvimento e crescimento do Turismo de Natureza na região.

Dados técnicos e de altimetria:

  • Distância: 230 km
  • Altura máxima: 1.209,5 m
  • Altura mínima: 53,70 m
  • Desnível acumulado positivo: 4.862,66 m
  • Desnível acumulado negativo: 4.872,66 m
  • Distância subida: 96,48 km
  • Distância descida: 108,95 km

O projeto é financiado pelo Turismo de Portugal, IP, no âmbito do Programa Valorizar – Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

3 + seven =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.