O presidente da Câmara Municipal de Castelo de Paiva afirma que entre setembro e outubro as empresas atingidas pelo incêndio no polo industrial terão um espaço alternativo.

Gonçalo Rocha deixou bem clara a gravidade do incêndio da última segund-feira que atingiu os postos de trabalho de 25% da população ativa do concelho.

Para o edil o importante agora é manter os postos de trabalho e recomeçar a laboração o mais rapidamente possível pois as pessoas não podem esperar muito mais tempo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

5 × 4 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.