As instituições de ensino superior vão disponibilizar mais de 15 mil vagas para o próximo ano letivo em cursos técnicos superiores profissionais (Tesp, na sigla usada pelas instituições), formações de dois anos lecionadas exclusivamente no ensino politécnico.

De acordo com o Público, que avança os números, há cinco anos consecutivos que a oferta de cursos técnicos superiores tem vindo a aumentar. E, ao que tudo indica, 2018 pode ser o ano com maior oferta de sempre.

Para o próximo ano letivo, estão garantidas 15.120 vagas de Tesp, 64% das quais disponíveis em instituições públicas, segundo dados do Ministério da Ciência e Ensino Superior cedidos ao diário. No entanto, o número pode aumentar.

O número cedido pela tutela não inclui ainda as vagas da Universidade do Algarve, dos Politécnicos de Beja e Cávado e Ave e da Escola Superior de Hotelaria do Estoril, porque estas ainda não comunicaram os lugares disponíveis à Direção-Geral do Ensino Superior.

Desde que foi criado, em 2014, o Tesp tem registado um aumento na procura. No ano letivo de 2014-2015 ingressaram 395 alunos nestas formações, mas no ano letivo de 2016-2017 o número chegou aos 11.048.

O sucesso dos Tesp deve-se “à sua componente fortemente prática”, considerou o presidente do Politécnico de Bragança, Orlando Rodrigues, em declarações ao matutino. Estes cursos incluem, obrigatoriamente, um estágio de seis meses nas empresas, o que “é muito valorizado pelos alunos”, rematou.

Fonte: ZAP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

fourteen + 1 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.