Início País “Marcelo é a Anita”. Presidente da República justifica telefonema a Cristina lembrando...

“Marcelo é a Anita”. Presidente da República justifica telefonema a Cristina lembrando Goucha

O Presidente da República está a ser alvo de duras críticas depois de ter telefonado a Cristina Ferreira, durante a estreia do novo programa da apresentadora de televisão na SIC. “Era o mínimo desejar-lhe boa sorte”, explica Marcelo Rebelo de Sousa.

Depois de o seu telefonema ter dado que falar, com alguns a acusarem-no de ter entrado na guerra de audiências entre a SIC e a TVI, Marcelo Rebelo de Sousa lembra que deu uma entrevista a Manuel Luís Goucha “na véspera do Natal”, que durou “25 minutos”, para o programa “No Monte do Manel”.

“Eu tenho uma relação de amizade com ela, já dei a primeira entrevista na revista dela. Não indo ao programa nem tendo entrevista com ela, era o mínimo desejar-lhe boa sorte. É o mínimo de equilíbrio“, sublinha o Presidente da República, rejeitando qualquer favorecimento à apresentadora que trocou a TVI pela SIC.

“Não houve tratamento especial a Cristina Ferreira”, refere ainda uma fonte da Presidência da República ao Correio da Manhã. “A produção de ‘O Programa da Cristina’ pediu há três semanas uma entrevista ao Presidente, mas, por motivos de agenda, não foi possível”, refere o mesmo elemento, justificando o telefonema com o facto de Marcelo e a apresentadora se conhecerem “há muito tempo, e, por uma questão de paridade“.

Em declarações ao Público, uma “fonte de Belém” não identificada pelo jornal refere que Marcelo procurou “estabelecer alguma igualdade com o concorrente directo” de Cristina Ferreira, ou seja, Manuel Luís Goucha, depois da referida entrevista antes do Natal na TVI.

“Marcelo é a Anita dos livros infantis”

Nas redes sociais, o caso tem sido muito comentado e a jornalista da RTP3 Alberta Marques Fernandes já veio pedi a Marcelo que também lhe telefone. “Professor, ligue-me. Pode ser às 12 horas, às 14 ou às 15 para a RTP3. Também mereço”, escreveu no seu perfil do Facebook.

Também Manuela Moura Guedes usou o seu espaço de comentário na SIC para criticar o Presidente da República, considerando que “é o maior populista que existe em Portugal”.

“Não é normal [Marcelo] interromper uma reunião para fazer um telefonema para um programa de entretenimento”, considerou a ex-jornalista da TVI, apontando que o Presidente “é a Anita dos livros infantis” por estar constantemente a aparecer em todos os acontecimentos do país.

Por outro lado, há quem considere que o telefonema de Marcelo foi uma espécie de puxão de orelhas a Goucha, depois da polémica com o convite a Mário Machado, líder de extrema direita e ex-condenado por agressões a negros e discriminação racial, para uma entrevista numa das rubricas do seu programa. É o caso de Daniel Oliveira, ex-dirigente do Bloco de Esquerda, que, no seu espaço de opinião na TSF, refere que o Presidente traçou uma “linha-limite” para a “guerra de audiências” entre SIC e TVI, como forma de censura quem “para benefício próprio, fragiliza a democracia”.

“Em troca de audiências, Goucha atirou-se para fora de pé”, defende Daniel Oliveira, notando que o apresentador “terá de encaixar a lapidar crítica política, elegantemente transmitida pelo Presidente da República através de um simples telefonema”.

Por outro lado, também há quem lembre que o Presidente telefonou em 2017 para a Rádio Comercial, em directo, para dar os parabéns ao Director Pedro Ribeiro.

Durante o telefonema a Cristina Ferreira, Marcelo salientou que tinha interrompido uma reunião para falar com ela a meio da emissão do seu programa de estreia na SIC.

“Como ao longo da vida, várias vezes estive consigo quando arrancou com novas fases da sua vida – lembra-se da sua revista, a primeira entrevista? -, eu queria desejar-lhe muitas felicidades e enviar-lhe um beijinho“, referiu o Presidente da República no telefonema.

Marcelo lembrou, assim, que Cristina Ferreira o escolheu como figura de capa da sua revista no número inaugural, ainda antes de se ter candidatado às eleições presidenciais.

Cristina Ferreira agradeceu o telefonema entre lágrimas, elogiando-o “por ser Presidente de todos os portugueses” e pela “forma como tem feito a sua Presidência”.

Cristina bateu Goucha na guerra das audiências

Na estreia na SIC, “O Programa da Cristina” derrotou com ampla margem o rival da TVI apresentado por Manuel Luís Goucha e pela sua nova companheira de apresentação, Maria Cerqueira Gomes.

Cristina Ferreira conseguiu 35,8% de share, com 542,5 mil espectadores, enquanto o “Você na TV” teve apenas 353,6 mil espectadores, o que resulta num share de 24,7%, conforme dados divulgados pelo Correio da Manhã.

Fonte: ZAP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

two × three =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.