Início País Parlamento deixa cair “malas de dinheiro” sem segurança

Parlamento deixa cair “malas de dinheiro” sem segurança

COMPARTILHAR

O Parlamento vai deixar cair a proposta do Governo que permitia às empresas transportarem dinheiro ou metais preciosos de valores até 150 mil euros sem recorrer aos serviços das polícias ou das empresas de segurança privada.

A notícia é avançada esta quinta-feira pela TSF, que recorda que esta  iniciativa do Governo foi conhecida no final de 2018 e causou desde logo polémica. Para muitos críticos, iria promover a insegurança, mas também facilitar o branqueamento de capitais com o regresso das chamadas “malas de dinheiro”.

A proposta do Governo apanhou de surpresa o sector, pois aumentava em 1000% o limite atual previsto na lei. Atualmente, recorda a rádio, o valor máximo que as empresas podem transportar sem serviços de segurança é de 15 mil euros.

PS, PSD e BE propõem agora, no debate na especialidade, valores muito mais baixos que os 150 mil euros. Nas novas propostas consultadas pela TSF, o PS sugere 25 mil euros, enquanto o PSD e o BE apontam para os 15 mil euros.

O presidente da Associação de Empresas de Segurança, Rogério Alves, congratula-se com a mudança, afirmando que imperou, finalmente, o bom senso.

Para Rogério Alves, a proposta do Governo era errada e abria a porta a muitos riscos com o transporte sem segurança, em malas de dinheiro, sacos de plásticos ou carros particulares, por exemplo, “num convite ao descontrolo”.

Fonte: ZAP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

5 + 13 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.