Início Ciência Erupções na pele de crianças com Covid-19 registadas também em Portugal

Erupções na pele de crianças com Covid-19 registadas também em Portugal

O aparecimento de manchas e pequenas erupções na pele de crianças, associadas à infecção por Covid-19, também se está a verificar em Portugal, depois de ter sido registado em países como Espanha e Itália. E serão resultado da resposta “muito violenta” do organismo ao coronavírus.

Em Espanha, a Academia de Dermatologia e Venereologia está a investigar se estas manchas na pele são um sintoma do coronavírus em crianças. Em Itália já foi feito um estudo que sugere que podem ser.

No Hospital Dona Estefânia, em Lisboa, onde estão a ser tratadas as crianças infectadas com Covid-19, já se verificou o aparecimento de erupções na pele em alguns dos pacientes, como revela ao Expresso o médico Gonçalo Cordeiro Ferreira que trabalha nesta unidade e que é director da área de Pediatria Médica no Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Central.

Estão em causa, sobretudo, manchas nas mãos, pés e, em algumas situações, na língua. “Estas manifestações cutâneas, sobretudo nas extremidades do corpo, são causadas pela resposta imunológica muito intensa de organismos mais jovens”, explica Gonçalo Cordeiro Ferreira ao semanário.

“Esta é uma resposta muito violenta do organismo ao contacto com este e com outros vírus, que atacam os pulmões e outros órgãos, como o coração, os rins ou a pele”, acrescenta o médico.

Gonçalo Cordeiro Ferreira trata, contudo, de notar que são “manifestações raras e, na grande maioria, inofensivas, causadas pela activação imunitária do organismo em resposta ao vírus”. “Temos de distinguir a gravidade das situações, não é preciso haver alarmismo”, sublinha.

O médico também sublinha que, em algumas destas crianças, já nem há sinais do coronavírus quando fazem os testes de diagnóstico. Isto porque, nessa altura, a carga viral pode já ser demasiado reduzido para ser “apanhada” pelos testes. A única forma de confirmar se estas crianças terão tido ou não Covid-19 é através dos testes serológicos que avaliam a presença de anti-corpos.

Entretanto, Portugal não tem registo de casos de crianças com sinais de uma síndrome inflamatória que foi ligada ao coronavírus por médicos do Reino Unido. O país divulgou o aumento acentuado de crianças internadas devido à doença de Kawasaki que provoca um estado inflamatório multissistémico, requerendo tratamento de terapia intensiva.

“Até à data, não houve reporte em Portugal, mas os pediatras estão atentos” a esta síndrome, revelou a directora-geral de Saúde, Graça Freitas, na conferência de análise dos números da infecção em Portugal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

two × five =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.