Logo paivense
Logo paivense

Elon Musk torna-se a terceira pessoa mais rica do mundo após subida das ações da Tesla

Bret Hartman, TED / Flickr

Elon Musk, CEO da Tesla, SpaceX e Neuralink

O diretor executivo Tesla, Elon Musk, está prestes a ultrapassar Mark Zuckerberg, CEO do Facebook, tornando-se a terceira pessoa mais rica do mundo, com as ações da empresa de carros elétricos a subirem 13% após esta ingressar no índice S&P 500 das principais empresas norte-americanas.

De acordo com o Guardian, estima-se que a última alta no preço das ações da Tesla – que já tinham subido quase 500% até à data -, aumentou a fortuna de Musk em cerca de 15 mil milhões de dólares (cerca de 12,6 mil milhões de euros), totalizando 117,5 mil milhões de dólares (aproximadamente 99 mil milhões de euros).

Isso coloca Musk, com 49 anos, em terceiro lugar na tabela de classificação das pessoas mais ricas do mundo, à frente de Zuckerberg, que tem 36 anos e uma fortuna avaliada em 106 mil milhões de dólares (à volta de 89,3 mil milhões de euros), segundo o Índice de Bilionários da Bloomberg. O índice mostra Musk em quarto lugar, mas ainda não inclui a alta de 12% contabilizada na segunda-feira.

A fortuna de Musk pode subir ainda mais à medida que o aumento do preço das ações da Tesla pode permitir alcançar um acordo de 55,8 mil milhões de dólares (47 mil milhões de euros). Para isso, necessita que esta atinja os 650 mil milhões de dólares (548 mil milhões de euros) até 2028. Neste momento, vale cerca de 400 mil milhões de dólares (337 mil milhões de euros).

Mais ricos que Musk só o fundador da Amazon, Jeff Bezos, com uma fortuna de 184 mil milhões de dólares (155 mil milhões de euros), e o fundador da Microsoft, Bill Gates, com 129 mil milhões de dólares (109 mil milhões de euros). Este último doou mais de 50 mil milhões de dólares para combater doenças e a pobreza.

Musk assinou o Giving Pledge, uma iniciativa filantrópica criada por Gates e pelo investidor Warren Buffett para incentivar as pessoas mais ricas do mundo a doar pelo menos metade da sua riqueza para instituições de caridade. No entanto, a Musk Foundation, uma instituição de caridade que o próprio fundou com o seu irmão, em 2002, doou menos de 100 milhões de dólares, segundo documentos oficiais.

O preço das ações da Tesla passou de 409 para 460 dólares (345 para 388 dólares) na segunda-feira, após a notícia da sua admissão ao S&P 500, que acontecerá em 21 de dezembro. A inclusão no índice é significativa porque os fundos passivos que acompanham o S&P 500 comprarão ações da empresa.

A Tesla é a empresa automotiva com o valor mais alto do mundo no mercado – à frente da Toyota, da Volkswagen e da General Motors – apesar de fabricar apenas uma fração do número de veículos. Este ano, espera entregar até 500 mil veículos, em comparação com a produção anual da Toyota de cerca de 10 milhões.


Fonte: ZAP