Logo paivense
Logo paivense

Possível Vice de candidato à presidencia do Brasil é tetraneto de D. Pedro II

Jair Bolsonaro, o candidato mais popular à presidência do Brasil, apontou como seu vice, caso seja eleito, o príncipe Luiz Philippe de Orléans e Bragança, tetraneto de D. Pedro II.

Economista e empresário, o “princípe”, como é chamado, fundou em 2014 o movimento antipetista, partido da ex-presidente Dilma Rousseff e Lula da Silva, Acorda Brasil.

A decisão final será dada ainda esta semana

Luiz Philippe de Orléans e Bragança – Luso-brasileiro (Rio de Janeiro3 de abril de 1969), príncipe de Orléans e Bragança, é um ativistacientista político e empresário brasileiro, descendente dos imperadores Dom Pedro I e Dom Pedro II (portanto descendente da família imperial brasileira). É um dos líderes e co-fundador do movimento liberal Acorda Brasil, que foi favorável ao impeachment de Dilma Rousseff. É sobrinho do príncipe D. Luís Gastão de Orléans e Bragança, atual chefe da Casa Imperial do Brasil.

No dia 1º de setembro de 2016, o grupo Acorda Brasil, liderado por Luiz Philippe, entrou com um mandado de segurança que pediu para suspender a decisão do presidente do Supremo Tribunal FederalRicardo Lewandowski, de aceitar um destaque proposto pelo PT e fatiar as votações do impeachment de Dilma. O argumento é que isso feriu de morte a Constituição Federal. Os impetrantes argumentam ainda que a Constituição não permite interpretação quanto à dissociação da perda do cargo em relação à inabilitação por oito anos para o exercício da função pública. “O impeachment e a inabilitação são indissociáveis”.

É autor do livro Por que o Brasil É Um País Atrasado? – O Que Fazer Para Entrarmos de Vez no Século XXI (2017)

Jair Bolsonaro