Logo paivense
Logo paivense

Brasil pede à China para apresentar provas de como lhe vendeu frango infetado com covid-19

O Brasil pediuà China para apresentar os resultados dos testes laboratoriais que supostamente detectaram traços do novo coronavírus em asas de frango exportadas pelo país.

No dia 13 de agosto, a prefeitura de Shenzhen disse ter detectado, num controle de rotina de frango importado do Brasil traços do novo coronavirus.

As autoridades referiram que três amostras testaram positivo para o novo coronavírus: uma coletada em asas de frango e duas coletadas na embalagem dos produtos, provenientes da fábrica da Aurora.

“No entanto, autoridades sanitárias de Shenzhen não souberam informar se os achados se referiam apenas à detecção do material genético do vírus ou ao vírus ativo, nem foram capazes de dar mais informações sobre o suposto achado”, disse o comunicado do ministério da agricultura brasileiro.