Logo paivense
Logo paivense

Governo cria incentivos para recuperar atividade nos centros de saúde

A atividade nos centros de saúde vai ter incentivos financeiros, anunciou a ministra da Saúde.

“Entendemos que era preciso fazer o mesmo ao nível dos cuidados de saúde primários e o Orçamento do Estado para 2021 tem uma norma que abrange esta área, foi regulamentada e irá entrar em vigor no próximo mês”, disse Marta Temido.

Temido explicou que este estímulo servirá para aumentar a atividade nos Cuidados de Saúde Primários (CSP), em horários alargados e, portanto, fora do horário normal de trabalho.”E para quê? Exatamente para permitir mais acesso porque, de facto, estamos a notar obviamente que há menos referenciações hospitalares”, afirmou a ministra, reconhecendo que vai demorar muito para recuperar das consequências da covid-19 “ao nível social, ao nível económico e, também, ao nível dos outros cuidados de saúde”.

Segundo os dados do Portal da Transparência do Ministério da Saúde, nos CSP as consultas presenciais caíram a pique por causa da pandemia, pois houve menos 7,8 milhões. Mas este valor foi compensado por um duplicar de consultas não presenciais, que passaram de 9,1 milhões em 2019 para 18,5 milhões no ano passado.