Logo paivense
Logo paivense

PSD culpa Presidente da Câmara de Castelo de Paiva, sobre o estado crítico em que encontra-se a Quinta da Boavista

O jornal digital Paivense noticiou em primeira mão a declaração do Viriato Soares de Almeida, usufrutuário da Quinta da Boavista, que interviu ao lançamento do livro de Mário Gonçalves Pereira naquele mesmo local, em resposta a críticas dos convidados sobre o estado que encontrava-se a Quinta.

“Se querem a casa esmagada. Então esmaga-se a casa”,

frisou na sua intervenção Viriato Almeida.

Lançamento do livro: https://www.paivense.pt/sociedade/2018/02/mario-goncalves-pereira-lanca-livro-sobrado-paiva-medieval/

Em resposta a crítica, a Câmara de Castelo de Paiva se pronunciou em defesa, dando um parecer sobre a situação como pode ser lido no link abaixo:

Pronunciamento da câmara: https://www.paivense.pt/sociedade/2018/02/2528/ 

Hoje à tarde, recebemos um comunicado do PSD que aponta o Presidente da Câmara de Castelo de Paiva Gonçalo Rocha, como responsável pelo estado que encontra-se a Quinta da Boavista e por não resolver o caso:

Comunicado do PSD

“O PSD Castelo de Paiva recorda que em Abril de 2016, Gonçalo Rocha era recebido pelo Sr. Viriato Soares de Almeida e afirmava que era urgente encontrar-se uma solução entre as partes, envolvendo o actual usufrutuário e a raiz, que pertence ao Município, na perspectiva de salvaguardar este importante património cultural, classificado como Imóvel de Interesse Público pelo Decreto lei No 129/77 de 29 de Setembro.

Gonçalo Rocha afirmava ainda que era possível avançar com este projecto de requalificação e valorização e que existiam possibilidades no novo quadro comunitário, que deviam ser aproveitadas, mas, quase dois anos depois nada foi feito.

José Rocha, que reuniu com o Sr. Viriato Soares de Almeida no processo de auscultações e contributos para o seu programa autárquico, não tem dúvidas de que existe vontade do Sr. Viriato Soares de Almeida para a resolução do problema e colocar a Quinta da Boavista como o Ex libris do Turismo em Castelo de Paiva.

Ao que agora se conhece, parece que a falta de vontade é de Gonçalo Rocha. Falta de vontade, que dá razão aos que dizem que não interessa a Gonçalo Rocha nem ao seu executivo em permanência que a Quinta da Boavista tenha outro destino que não cair de podre.

Em virtude de todos estes acontecimentos e revelações, Gonçalo Rocha não pode esconder-se atrás de afirmações proferidas por “fontes do executivo”, e o PSD de Castelo de Paiva exige uma resposta detalhada, clara e urgente, sobre a real situação da Quinta da Boavista.”

O jornal digital Paivense não é aliado de nenhum partido político e cumpre o seu papel de informar, investigar e relatar factos concretos em prol da sociedade. Não nos responsabilizamos por comunicados ou crónicas, sendo de responsabilidade do autor, salvo provas por envio de e-mail, mensagens de texto, rede social ou qualquer assinatura digital.